"A vida, constatou ele, assemelhava-se muito a uma melodia.
No princípio, há um mistério, no final uma confirmação, mas é no meio que toda a emoção reside, e faz que a totalidade valha a pena."

4 comentários:

«sorri, esquece, dorme, sonha; mas sobretudo, vive»