estúpido

odeio a maneira de como me fazes sentir, odeio a elegância das tuas palavras, odeio a saudade que deixas quando vais embora, odeio os abraços meigos e os beijos afectuosos, odeio que me catives de forma tão simples, odeio a vontade incontrolável de estar contigo que provocas em mim, odeio que gostes tanto de mim como eu gosto de ti, odeio que sejas bruto e de seguida carinhoso, odeio a maneira de como aos meus olhos és (quase) perfeito, odeio quando me consegues pôr um sorriso parvo na cara, odeio o que fazes e como fazes ... porque me fazes gostar ainda mais de ti, estúpido

5 comentários:

«sorri, esquece, dorme, sonha; mas sobretudo, vive»