só mais uma

Não vais fazer nada que eu já não tenha feito, não vais ter nada que eu já não tenha tido. Antes de ti estive eu, antes do teu nome esteve o meu. As alegrias que vais ter já eu as tive; os mimos, as atenções, tudo isso já eu tive. Não vais marcar a diferença, não vais ser especial, vais ser só mais uma no meio de tantas outras. No final vais perceber que não pisas-te o risco, mas que erras-te por completo.

‘’ninguém te amou como eu, ninguém vai fazer por ti nem metade do que eu já fiz’’

Sem comentários:

Enviar um comentário

«sorri, esquece, dorme, sonha; mas sobretudo, vive»